EDIÇÃO 014 - Dez. 2009

 
 
 

Albergue da Juventude

Natal no Hostel da Capital!

É natal, é natal...
A família do Brasília Hostel não pode deixar de comemorar reunida a data mais família de todas! No natal, todos aqueles que ajudam este albergue a funcionar, que lhe conferem vida, sabor, brilho, conforto, segurança, charme, poesia e som... cada pequena pecinha desta amada engenhoca ocupou seu lugar ao redor de uma linda ceia de natal! E foi uma festa e tanto, com muita comida deliciosa, agradecimentos pelo ano que passou, com conversas animadas e risos frouxos, onde ninguém mais tinha função ou hierarquia, onde todos eram, simplesmente, membros de uma grande família.

100 Árvores pelos 100 Anos da Hostelling

O Brasília Hostel está plantando 100 árvores em comemoração aos 100 anos da Hostelling! E sabe quem mais uniu forças nessa boa idéia? Você, alberguista! Nosso hóspede!
Com o início das chuvas aqui na Capital, em novembro, teve início também o plantio. A proposta, além dos inúmeros valores socioambientais agregados, também pretende aperfeiçoar o paisagismo local.
As árvores ajudam a conter erosão, produzem flores que embelezam a paisagem e frutos que alimentam pássaros e insetos fundamentais para o ecossistema, além de um ou outro alberguista com vontade de comer uma goiaba ou manga diretamente do pé.
A idéia é desenvolver junto com os hóspedes esta ação ecológica, para que se sintam parte desta iniciativa, sintam o prazer de dar algo à Terra, não apenas tirar dela e para que possam perpetuar esta ação em seus contextos natais. As ações de reflorestamento urbano neutralizam as emissões de CO2 e geram economia de energia, além de conservação de água e solo, melhoria do ar e clima, e valorização da propriedade. Comprovadamente, contribuem para o conforto ambiental no espaço urbano. A árvore é responsável direta pela:
- Diminuição da poluição sonora (absorção de ruídos)
- Diminuição da poluição do ar (purificação do ar e retenção de partículas)
- Diminuição da poluição visual (vida, cor e beleza para as ruas)
- Amortecimento climático (esfriamento do ar no verão e diminuição do vento no inverno)
- Diminuição da exposição à irradiação solar (proteção contra câncer de pele)
- Proteção contra vendavais (diminui danos às construções)
- Bem estar físico e mental das pessoas
- Equilíbrio ecológico (sustenta flora e fauna e diminui vetores de doenças)
- Elemento visível para valorização da natureza nas novas gerações.
Muitos hóspedes já deixaram estas suas marcas tão queridas, importantes e duradouras em nossos jardins, venha ser o próximo!

Destaque

A RUART é Só Alegria!

A Associação RUART de Cultura esteve mais uma vez conosco, demonstrando ter aprovado o tratamento e o acolhimento de nosso pessoal, de nosso querido Hostel. Desta vez, tivemos o prazer de conviver novamente com sua alegria graças ao Encontro de Mamulengueiros.
O grupo já até nos expressou o tamanho da utilidade do nosso recém-criado Centro de Atendimento ao Alberguista, o CAA, demonstrando a dificuldade que é fazer um levantamento autônomo e eficaz de informações para a composição de um roteiro.
No mais, o grupo avaliou nosso Albergue como excelente, mesmo com a localização não tão acessível, como o próprio grupo lembrou!
Como sempre, sua estadia transforma nossos corredores em uma festa aberta, e não há quem resista ao encantamento de ver os profissionais manipulando os mamulengos com uma destreza impressionante.
Até a próxima, parceiros da RUART!

Nova Obra de Oscar em Brasília, a Torre Digital

A nova atração turística de Brasília já pode ser vista de diversos pontos da capital. Projetada por Oscar Niemayer, a construção da Torre de TV Digital está bem adiantada. Localizada na região do Grande Colorado, em Sobradinho, o monumento que já possui cerca de 90 metros – equivalente a um prédio de 30 andares - abrigará os equipamentos das emissoras de televisão para transmissão digital. Quando estiver concluída, a torre terá 180 metros, 120 em concreto e 60 em estrutura metálica. Duas cúpulas de vidro abrigarão o restaurante e a sala de exposições. Mais acima, o visitante terá acesso a um mirante, de onde terá uma visão privilegiada de Brasília. Orçada em R$ 64 milhões, a obra teve início em junho deste ano e deve ser entregue dia 21 de abril de 2010. Para assegurar que tudo esteja pronto, 240 homens trabalham durante o dia, outros 70 se encarregam da obra durante a noite. Mais uma obra do Oscar que não pode faltar em sua rota pela Capital!

VIII Conferência dos Direitos da Criança e do Adolescente

A etapa nacional do Conanda aconteceu entre os dias 7 e 10, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães.
O tema para a conferência foi “Política Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente: construindo e consolidando as diretrizes para um plano decenal”. A conferência, que acontece em três etapas, pautou suas discussões em cinco eixos específicos definidos pelo Conanda: promoção e universalização de direitos em um contexto de desigualdades; proteção e defesa no enfrentamento das violações de direitos humanos de crianças e adolescentes; fortalecimento do sistema de garantia de direitos; participação de crianças e adolescente em espaços de construção da cidadania e gestão da política. Com a criação desses cinco eixos e a definição de um tema central, o Conanda pretendeu qualificar as discussões, em torno da garantia dos direitos de crianças e adolescentes, em todas as etapas da conferência. Assim, dando maior legitimidade aos encaminhamentos e às deliberações em âmbito nacional.

Federação Brasileira de Albergues da Juventude

Fernando de Noronha para Alberguistas!

O sonho de consumo dos viajantes brasileiros e estrangeiros, um dos lugares mais requisitados do mundo, esta ao alcance das mãos do alberguista. O associado à Hostelling International possui descontos em pacotes para Fernando de Noronha. Esta chance não pode ser desperdiçada! Se você não possui sua carteirinha ainda, corra ao hostel mais perto de você e faça uma em cinco minutos, se não, basta pedir por correio! Se você já se associou, não espere mais e saiba como aproveitar melhor esta oportunidade no site do Lua Cheia Hostel, www.luacheia.com.br
Saiba mais

Federação Internacional de Albergues da Juventude

Os Melhores Hostels do Mundo

Durante o Encontro Anual da Hostelling International, realizado no início de dezembro, em Amsterdã, foi divulgado os nomes dos melhores albergues do mundo da rede HI.
O maior prêmio foi conferido ao HI Hostel Baan Dinso, em Bangkok, como o melhor albergue da rede HI (http://www.baandinso.com/), seguido pelo Hi Tønsberg, na Noruega, eleito o hostel mais agradável, o Albergue Kyoto, no Japão, foi escolhido como o mais confortável, o Hi Eastham, nos Estados Unidos, o mais eficiente, Grindelwald, na Suíça, eleito o hostel mais limpo e Luxemburgo foi selecionado como o melhor país com albergues de 2009 (http://youthhostels.lu/).
Neste último ano, a HI recebeu cerca de 75.000 votos de hóspedes de todo o mundo. Estes votos formaram o HI Prêmio dos Melhores Albergues 2009.
A premiação foi baseada no ranking feito pelos hóspedes, no site hihostels.com.
Quem fez reserva online no www.hihostels.com foi questionado sob vários aspectos em sua estadia.
Todas as categorias de premiação foram baseadas em avaliações recebidas durante m período de 12 meses, a partir de 1 de novembro de 2008 a 31 de Outubro de 2009.
Para se qualificar a premiação o hostel teve que alcançar mais de 50 ratings (avaliações) no site internacional.

Fala, Alberguista

Heidi Kuusmann é nossa entrevistada de dezembro, tem 25 anos e veio de Tallinn, Estônia. Ela está em Brasília pelo intercâmbio da Aiesec, fazendo estágio em marketing aqui no Brasília Hostel.
Heidi chegou no mês passado e pretende ficar na Capital uns cinco ou seis meses, seu estágio termina em cinco, mas ela espera poder viajar para conhecer melhor o Brasil por algumas semanas.
Disse que, até agora, está adorando a estadia. “O clima é perfeito. Adoro o sol! Agora, por exemplo, na Estônia, está fazendo 15 graus negativos, então você pode imaginar como estou feliz em estar aqui. As pessoas no Brasil são muito amigáveis e receptivas, estão sempre sorrindo. A comida é muito boa, com tantas frutas diferentes...“
Sobre o Brasília Hostel, Heidi disse que está sendo sua casa há já um mês e que as pessoas que trablham aqui são muito simpáticas. Como está trabalhando conosco, disse poder observar claramente como os funcionários trabalham duro para melhorar cada pequeno detalhe do hostel e fazer tudo funcionar direito. Animada, contou já ter conhecido muitas pessoas interessantes, mochileiros com histórias impressionantes. Muitos grupos e artistas que se hospedaram no hostel, que fazem com que não seja difícil encontrar alguém tocando algum instrumento musical ou dançando e cantando.
Quando perguntamos sobre a melhor hostel em que já se hospedou, ela nos contou sobre uma visita que fez a uma pequena cidade chamada Coro, Venezuela, onde ficou em um hostel que era muito pequeno, mas que se mostrou muito romântico e transformou a experiência em uma lembrança muito querida.
Ela ressaltou que acha os Albergues da Juventude muito importantes, dando a oportunidade de as pessoas viajarem de forma mais acessível, de conhecerem pessoas de todos os lugares do mundo e dividirem experiências, além de proporcionar uma atmosfera própria de paz e conforto.
Antes de chegar a Brasília, Heidi disse ter ouvido que a cidade era única e, chegando aqui, percebeu que era verdade. “Há muito espaço, tudo é meio longe, mas a arquitetura minimalista é inigualável... Amo a Ponte JK.“ Quanto às quadras planejadas por Lucio Costa, ela confessou ainda não conseguir diferenciar uma da outra. “São engraçadas, parecem todas iguais!“
Disse gostar muito do fato de haver sempre um evento cultural acontecendo, festivais, concertos, quase sempre gratuitos. “Há muitas festas e restaurantes para ir. Infelizmente, as distâncias são muito grandes e se torna difícil para o turista se locomover. Por isso, acho que o maior problema desta cidade é o transporte público, ela precisa de um sistema de metrô perfeito." Acrescentou que o melhor conselho para um turista a caminho de Brasília é o pesquisar muito sobre a cidade e não se fixar apenas em seus monumentos deslumbrantes. A cidade, segundo ela, tem sempre algo diferente a oferecer, cabe ao turista procurar e descobrir a rotina da Capital.
Heidi não conseguiu nos contar exatamente a melhor experiência que já teve em uma viagem, pois, para ela, toda viagem é muito especial a sua maneira e cheia de aventuras. Mas disse que o lugar mais interessante e diferente que já visitou foi Orinoco Delta, na Venezuela. Lá, ela pode vivenciar um estilo de vida diferente, pode ver como as comunidades do povo Warao vivem, sua cultura, problemas. “Foi uma experiência e tanto!". Disse que o lugar mais bonito que já viu também está na Venezuela, as Ilhas de Los Roques. E as pessoas mais amigáveis, felizes e receptivas que já conheceu são as brasileiras.
Heidi deixou um conselho aos leitores: “Gosto muito da fala de Mark Taiwan, ´Daqui a vinte anos, você estará mais decepcionado com as coisas que não fez do que com as que fez. Então, abandone os medos e zarpe do porto seguro. Deixe o vento guiar suas velas. Explore. Sonhe. Descubra.` Esta seria minha dica para todos que gostam de viajar, na verdade, para todas as pessoas!"

 
Voltar



Cadastre-se e receba nosso Informativo no seu E-mail


Nome:

Email:

Escolaridade:

Data de Nascimento:

Endereço

Estado:

Renda pessoal:

Como Conheceu os Albergues da Juventude?

Digite o código da imagem acima

*

Open Informática e Internet